segunda-feira, 14 de setembro de 2015

O VALOR DE UM ABRAÇO




Quanto custa um abraço? Quanto vale essa expressão de carinho, de proteção, de amor, de afeto? Se alguém colocar um valor, pode apostar, não consegue mensurar a dimensão que esse gesto tem. Abraço não tem preço!
Precisamos de contato, principalmente do contato humano. Afinal, isso faz parte de nossa natureza desde que nascemos. Antes de sair para este mundo tão barulhento e cheio de novidades, passamos meses em contato com o corpo de nossas amadas genitoras, a sentindo e a ouvindo, e quando saimos do útero materno, não tinhamos a menor noção de que éramos uma pessoa e a mamãe era outra. Por isso, a necessidade do toque, do cheiro, do carinho dela e de outras pessoas, dando-nos aquele sentimento gostoso de segurança.

Nestes abraços, de colo, ganhamos conforto e aconchego, passando a procurar estar sempre em contato com esta sensação (entendeu porque crianças não são chegadas em "carrinhos" e sim num bom colinho?).
Crescemos, e a cada abraço, seja dos pais, dos irmãos, dos amigos e amigas, do grande amor, trazemos de volta esta memória dos primórdios de nossas vidas, promovendo o mesmo no(a) outro(a).
Claro que o prazer (e o poder) deste abraço está diretamente relacionado ao grau de intimidade que temos (quanto mais próxima a pessoa de nossos corações, como a mamãe, maior é o desejo de abraçar e ser abraçado por ela), mas nada impede que um(a) desconhecido(a) também não possa usufruir deste benefício. Quantas vezes, em momentos críticos (acidentes, perda de alguém querido, medo, etc...), alguém não se sentiu confortado com um abraço, e depois nem se lembrava do rosto de quem o havia dado?
Assim sendo, repito a pergunta: Quanto vale um abraço? Será que agora alguém consegue responder a essa questão com um número? Não, né? Mesmo porque, abraço, se paga com outro, e só.

2 comentários:

  1. Por isso, o abraço é o enlace de dois seres, que, por algum momento, se aconchegam e se ajudam, são um só.

    ResponderExcluir
  2. Por isso, o abraço é o enlace de dois seres, que, por algum momento, se aconchegam e se ajudam, são um só.

    ResponderExcluir

Translate

POSTS MAIS RECENTES NO SEU EMAIL - CADASTRE-SE!