domingo, 16 de outubro de 2011

PRA QUÊ?

Uma frase de minha amiga Maria Amélia no facebook, sobre simplicidade, me remeteu a esta bela lição, que aprendi logo nos primeiros cursos de PNL dos quais participei e que nunca mais esqueci.
Eram cerca de três horas da tarde, e um grande empresário da área de pesca resolveu sair com sua lancha para ver como estavam os trabalhos de seu barcos. No decorrer da fiscalização, viu um barco de pesca ancorado perto de uma pequena praia, seguida de uma montanha. O barco não era de sua empresa, mas lhe chamou a atenção o fato de que o dono dele estava deitado entre as pedras da montanha, e ao seu lado tinha uma vara de pesca "na espera".
Ele pensou: "Acho que vou fazer a minha boa ação do dia. Esse cara precisa aprender como ganhar dinheiro".
Se aproximou com a lancha e chamou o pescador. O homem, de bermuda, camisa aberta, tirou o chapéu que protegia o rosto na hora do cochilo e perguntou o que ele queria.
"Não vai pescar mais? Ainda tá cedo pra parar, meu caro!"
"Ah, não... já pesquei o suficiente pra hoje. Até já enviei parte do pescado para sua empresa".
"Hum... então. Se você voltar, pode pescar mais".
"Hum... pra quê?"
"Ora.. pescando mais, eu compro seus peixes, e você ganha mais dinheiro".
"Ah.. ganho mais... mas... pra quê?"
"Puxa vida... Ganhando mais dinheiro, você investe em melhorias no seu barco".
"É... melhorar o barco é bão.. mas... pra que?
"Melhorando o barco, você pega mais peixes, e consequentemente vende mais, e ganha mais dinheiro, e pode até comprar outros barcos".
"Nossa... isso é bão... mas... pra quê?"
O empresário já estava ficando exasperado.
"Ora essa! Desta maneira você contrata empregados, ganha mais dinheiro e fica rico, rapaz!"
"Ah.. então é pra ficar rico, que nem o senhor..."
"Isso!", animou-se o empresário.
"PRA QUE?"
O empresário perdeu a paciência!
"Olha aqui, seu burro! Ganhando mais dinheiro, você compra mais barcos, pesca mais, ganha mais, fica rico, e um dia então vai poder curtir a vida!!!"
"Hummm... então é pra isso?", perguntou o pescador.
E colocando de volta o chapéu no rosto, foi respondendo com sua calma habitual:
"Mas isso eu já faço! E o senhor?".
Precisa explicar?

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

STEVE JOBS, MODELO DE SIMPLICIDADE

Sempre digo que para alcançar a excelência em qualquer área devemos ter pelo menos um bom exemplo em termos de quem conseguiu chegar onde queria e como fez para conseguir. Steve Jobs, o grande visionário da tecnologia dos computadores, é um dos meus.
O homem que conseguiu fazer com que a Aple saisse de uma situação de falência para a lista das principais empresas do mundo, o criador do Ipod, do Ipad, do Macintosh e outras maravilhas, infelizmente morreu em decorrência de um tipo raro de câncer, nesta quarta-feira (5).
Este homem especial foi quem me convenceu que para se ter sucesso não é preciso fazer coisas muito complicadas. Pelo contrário, o que sempre se deve procurar é a simplicidade das ações. Por isso, fiz questão de repassar aqui algumas das frases ditas por ele sobre a vida, e que me serviram como referências altamente motivadoras.
É a minha homenagem a quem me ensinou tanto, mesmo sem saber que o estava fazendo.


“Eu trocaria toda a minha tecnologia por uma tarde com Sócrates” –Newsweek, 2001

“Ser o homem mais rico do cemitério não me interessa. Ir para a cama à noite dizendo que fizemos algo maravilhoso, isso importa para mim”–The Wall Street Journal, 1993

“Você quer passar o resto de sua vida vendendo água com açúcar ou quer ter a chance de mudar o mundo?”– em entrevista a John Sculley para o livro “Odyssey: Pepsi to Apple”

“Às vezes a vida te bate com um tijolo na cabeça. Não perca a fé. Estou convencido de que a única coisa que me fez continuar foi que eu amava o que eu fazia. Você precisa encontrar o que você ama. E isso vale para o seu trabalho e para seus amores.Seu trabalho irá tomar uma grande parte da sua vida e o único meio de ficar satisfeito é fazer o que você acredita ser um grande trabalho. E o único meio de se fazer um grande trabalho é amando o que você faz. Caso você ainda não tenha encontrado[ o que gosta de fazer], continue procurando. Não pare. Do mesmo modo como todos os problemas do coração, você saberá quando encontrar. E, como em qualquer relacionamento longo, só fica melhor e melhor ao longo dos anos. Por isso, continue procurando até encontrar, não pare" – discurso durante formatura em Stanford, 2005

“Você não pode conectar os pontos olhando para a frente; você só pode conectar os pontos olhando para trás. Assim, você precisa acreditar que os pontos irão se conectar de alguma maneira no futuro. Você precisa acreditar em alguma coisa – na sua coragem, no seu destino, na sua vida, no karma, em qualquer coisa. Este pensamento nunca me deixou na mão, e fez toda a diferença na minha vida.” – discurso durante formatura em Stanford, 2005

“Lembrar que eu estarei morto em breve é a ferramenta mais importante que eu encontrei para me ajudar a fazer grandes escolhas na vida. Por que quase tudo – todas as expectativas externas, todo o orgulho, todo o medo de se envergonhar ou de errar – isto tudo cai diante da face da morte, restando apenas o que realmente é importante. Lembrar que você vai morrer é a melhor maneira para eu saber evitar em pensar que tenho algo a perder. Você já está nu. Não há razão para não seguir o seu coração.” – discurso durante formatura em Stanford, 2005

“Isto foi o mais perto que cheguei da morte e espero que seja o mais perto que eu chegue nas próximas décadas. Tendo passado por isso, posso dizer agora com mais certeza do que quando a morte era apenas um conceito intelectual: ninguém quer morrer. Até mesmo as pessoas que querem ir para o céu não querem morrer para ir para lá. Ainda, a morte é um destino que todos nós compartilhamos. Ninguém conseguiu escapar dela. E assim é como deve ser porque a morte é talvez a melhor invenção da vida. É o agente que faz a vida mudar. É eliminar o velho para dar espaço para o novo. Neste momento, o novo são vocês, mas algum dia não tão longe, vocês gradualmente serão o velho e darão espaço para o novo. Desculpa eu ser tão dramático, mas é a verdade” – discurso durante formatura em Stanford, 2005

“Seu tempo é limitado. Por isso, não perca tempo em viver a vida de outra pessoa. Não se prenda pelo dogma, que nada mais é do que viver pelos resultados das ideias de outras pessoas” – discurso durante formatura em Stanford, 2005

“Tenha vontade, tenha juventude. Eu sempre desejei isso para mim. E agora, que vocês se formam para começar algo novo, eu desejo isso para vocês” – discurso durante formatura em Stanford, 2005

Translate

POSTS MAIS RECENTES NO SEU EMAIL - CADASTRE-SE!