sábado, 8 de agosto de 2015

FAÇA SEMPRE MAIS DO QUE ESPERAM, E NÃO DEIXE QUE TE HUMILHEM





Estava assistindo novamente a uma matéria feita por uma grande rede de TV, sobre um menino que gostava tanto de seus ídolos que os esperava todos os dias na porta de sua casa. Quando o veículo com o grupo surgia, um largo sorriso se mostrava em seu rosto e ele corria para cumprimentá-los e até imitá-los.
O detalhe é que este grupo não é um conjunto musical, não são jogadores de futebol, tampouco politicos... São coletores de lixo.
Com certeza já deve ter leitor aí pensando: "Nossa! Esse menino não tinha algo MELHOR para escolher como idolos não?" (e não adianta negar, muita gente com certeza tem esse pensamento).
Respondo: Com certeza, não teriam, porque a criança, com seu coração puro, consegue enxergar o que há de belo no ser humano. Isso, infelizmente, está em falta neste mundo tecnológico e eivado de superficialidades.
Mas quais motivos tornaram os coletores tão especiais, não só para o menino como para sua familia (ao ponto da mãe fazer para ele um uniforme igualzinho o dos servidores), para seus vizinhos e para todo um bairro (que antes não os enxergavam)? Um deles, com certeza, foi o trabalho bem feito. Não há comunidade mais limpa na cidade, o grupo é pontual no seu trabalho, e não caiu naquela de "sou funcionário efetivo, então dane-se". Ganharam visualização por não terem medo e nem vergonha de serem bons no serviço que executam. Além disso, interagem com os moradores, dão dicas de como auxiliar na manutenção da limpeza, não deixam nada pela metade.
Não importa o que a gente faça, quando se faz bem feito, nossa marca fica indelevelmente fixada por estes detalhes, e a destes lixeiros ficarão para sempre, ainda que naquele bairro, e provavelmente em outros por onde eles passam.
Abraham Lincoln, lenhador, filho de sapateiro, tinha uma frase bem interessante para ilustrar isso: "O homem que faz somente aquilo para o qual é pago, não merece o que ganha". E este personagem importante da história, que se tornou nada mais, nada menos que o Presidente dos Estados Unidos, sabia o que estava falando.
Quando assumiu o cargo, toda a classe dominante americana (que como no Brasil acredita que só pessoas de seu meio podem "mandar no país) sofreu um choque. Imagine, um lenhador, filho de sapateiro, assumir a presidência do maior país das Américas.
Conta a história que, após ser convocado pela classe politica, um senador diante das galerias lotadas fez uma pergunta irônica: "O senhor pretende administrar os Estados Unidos como se fosse uma grande sapataria? Porque o pai de Vossa Senhoria era um sapateiro, e não tem como negar, pois estou usando um sapato feito por ele!"
Lincoln tranquilamente respondeu: " É bom o senhor trazer a lembrança de meu pai neste momento, pois sei que ele gostaria de estar aqui agora. Saiba, Senador, que meu pai não era um simples sapateiro. Era o melhor sapateiro dos EUA, e quem me comprova isso é o senhor, pois depois de tanto tempo que ele morreu o senhor ainda está usando um sapato feito por ele", e complementou "mas não apenas meu pai foi sapateiro, eu fui lenhador, e depois de um dia exaustivo de trabalho, ainda ia estudar direito por correspondencia, para poder ter o direito de ser presidente de vossa senhoria, como agora sou."
O homem simples, olhando para a platéia que o assistia, ainda disse mais: " Orem por mim, para que eu seja tão bom presidente, quanto o meu pai foi tão bom sapateiro!".
Diante dessa história, eu te pergunto: Você costuma deixar que te humilhem por conta do trabalho que faz, ou faz um serviço mal feito apenas para "cumprir ordens" e por não gostar de ser quem é?
Não deixe que ninguém te rebaixe. Seja humilde, sim, mas tenha uma postura adquirida através de exemplos, para que toda vez que alguém tentar te sujar, você continue incólume, fazendo esta (ou estas) pessoa(as) perceber(em) que, na verdade, a lama está mas mãos delas.

"Minha querida Alma, faça de mim, hoje e sempre, o melhor profissional que eu puder ser em minha área, e a melhor pessoa que eu possa me tornar para os que me cercam"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate

POSTS MAIS RECENTES NO SEU EMAIL - CADASTRE-SE!