sábado, 12 de junho de 2010

QUE PRESENTE DAR PARA O MEU AMOR?


Sempre me perguntam, especialmente em datas especiais como a do Dia dos Namorados, que presente dar para a parceiro(o). Geralmente indico primeiro que as pessoas entendam como funcionam quem está do seu lado.
Seu(sua) namorado(a) é alguém que se liga em imagens? Gosta de “ver”, de “mostrar”, com ele(a) é “ver pra crer”? Então é um tipo Visual.
Prefere lidar com sons? Pende a cabeça e põe a mão na orelha pra te escutar melhor? “Fala o que vem à cabeça?”. Costuma dizer “Quem fala o que quer, ouve o que não quer?”. Então é um Auditivo.
Mas e se gosta de sensações? Ficar abraçadinho, tomar uma bebida gostosa, beijar, andar de mãos dadas, comer um bolo gostoso, ficar num lugar “aconchegante”, diz coisas como “Você me ‘tocou’ com suas palavras”? Então é um tipo Cinestésico.
O que tem a ver isso com o tipo de presentes que dou para minha (meu) parceira (o)?
Ora, um VISUAL capta informações e gosta de se comunicar com elementos que possam ser VISTOS. Se você quer agradar a uma pessoa que funciona desta maneira, vai procurar dar algo que chame a atenção dos olhos. Um quadro, um pôster, flores, jóias, levar a um local visualmente agradável. Para visuais, o termo “bonito” é muito importante. Ou seja, se você der um carro para uma pessoa como esta, tem que ser um carro bonito, não o da moda ou o mais rápido. Se vai dar uma roupa, não precisa ser da moda, ela tem que achar bonita. Se vai levar a um restaurante, tem que ser um espaço “chic”.Entendeu agora porque ele ou ela (ou você mesmo(a)) fez aquela “cara de paisagem” quando recebeu um CD de música baiana?
Para um visual, se você não tem muitas opções para dar de presente, que tal enviar, junto com o que você mandar, um belo cartão, escrito com letras bem trabalhadas e palavras bonitas?
Ah, e se for sair com ele(a), nada de se vestir de qualquer jeito, desleixado… Beleza e charme, para o visual, é fundamental.
E um AUDITIVO? Este pode até ganhar um CD de música baiana, mas ele tem que gostar de ouvir este tipo de música. Se não gostar, pelo menos não ficar tão decepcionado de ganhar este tipo de presente. O auditivo gosta de coisas agradáveis aos ouvidos: boa música, palavras de carinho, se ganhar um carro, vai se ligar no barulho do motor (se é agradável, se tem um ronco de alta potência), acompanhar um show de qualidade, se for a um baile, as músicas precisam ser executadas com harmonia, sem desafinos. Junto com qualquer presente, que tal uma mensagem falada ou cantada (mas por favor, com qualidade!), ou um cartão musical?.
Atenção: Nada de gritos ou sons desagradáveis ao conversar com ele(a), hein?
Já um CINESTÉSICO gosta do que pode sentir, tocar, cheirar, comer, beber… Presentes para estas pessoas tem que ser agradáveis aos sentidos (tato, olfato, paladar, emoções). Um bolo tem que ser gostoso (não precisa ser o mais bonito). Uma roupa tem que deixá-lo(a) à vontade. Um carro tem que ser gostoso de dirigir, as flores precisam pelo menos ter um cheiro gostoso. Um perfume, um gostoso jantar, uma festa onde se possa dançar a noite toda. Se for a um show, tem que ser num em que ele(a) possa se movimentar. Se ganhar um CD, tem que ser um que o faça dançar. Junto com o presente, seja ele qual for, que tal uma boa caixa de bombons?
Um detalhe: Cinestésicos se sentem seguros no relacionamento com o toque de carinho. Se você vai a algum lugar com ele (a) e não lhe dá pelo menos a mão para segurar, isso pode ser entendido como falta de interesse, tá?
Oh, já passou a data e o presente já foi dado, o erro já foi cometido e você fez tudo errado? Tudo bem! Se há amor, o parceiro(a) vai entender sua iniciativa. Mesmo assim, sempre há tempo para corrigir e, na próxima, já sabe como vai ser, né?

Antonio Carlos – MBS Comunicações

Um comentário:

  1. Se eu soubesse disso antes, não tinha levado tanta porrada...kkkk!
    Foi bom ler isso.

    ResponderExcluir

Translate

POSTS MAIS RECENTES NO SEU EMAIL - CADASTRE-SE!